Essas 9 estratégias de marketing vão alavancar seu negócio online 

Estratégias de marketing são fundamentais para quem  pensa em empreender online, mas se está no grupo de empreendedores que já tiraram a ideia da cabeça e estão encontrando dificuldades para achar os clientes,  então está na hora de rever suas estratégias.

 

O momento de escolher estratégias de marketing é um período de muito aprendizado, muito teste, inclusive da sua paciência e persistência. Você está subindo mais um degrau que pode te levar ao sucesso, se pular este degrau, já era. Então, foco na aplicação das estratégias.

Há solução para tudo, quem sabe uma revisão do que tem feito e a adoção de algumas das estratégias que estão nesse artigo, ajudem a mudar o rumo do seu negócio.

 

As estratégias de marketing sustentam seu negócio no mercado.

Mas, você sabe qual é o seu mercado? Antes de pensar nas estratégias de marketing, é necessário ter bem claro onde está se metendo. Leve em consideração fazer uma busca e análise  do seu setor e um mapa da concorrência.

O mercado é formado:

  • Pelo ambiente onde seu negócio está localizado. Qual o tamanho dele? Está em crescimento?
  • Pelos consumidores que circulam nesse mercado. Quem compra, o que compra e por que compra?
  • Pelos concorrentes inseridos no mercado. Como seu produto/serviço se compara aos da concorrência?

crise tem afetado profundamente alguns setores, mas tem gerado muitas oportunidades em outros. Em época conturbada, rever constantemente sua atuação no mercado é fundamental.

 

Na sua região, que oportunidades você vê?

 

Você faz ideia de que estratégia de marketing precisa nesse momento?

A sua intenção é satisfazer as necessidades e desejos, oferecer algo completamente diferente e inusitado, concorrer oferecendo os preços mais baixos, oferecer experiências memoráveis? Está antenado com o marketing 3.0 e quer ir além da satisfação das necessidades dos clientes, contribui também para a proteção do planeta, promove a sustentabilidade ou melhora a vida das futuras gerações?

Michael Porter sugere três tipos de estratégia Genérica: Lideranças nos Custos,Diferenciação e Foco.  Geralmente são utilizadas para penetração da empresa no mercado, desenvolver ou melhorar produtos, se diferenciar.

Qual seria a mais apropriada para seu negócio agora?

Insisto muito na estratégia de diferenciação. Ela tem como objetivo desenvolver o que o cliente mais leva em consideração e o que valoriza na comparação do que sua empresa oferece em relação a outros concorrentes, como: opções de preço e formas de pagamento; que serviços agrega; quais canais usa para distribuir seus produtos e serviços; atributos e serviços fortes; e, a imagem como se posiciona na mente e no coração do consumidor.

Kotler aconselha ainda que, se sua marca não está tocando a alma dos consumidores, chegou a hora de repensar suas ações e estratégias de marketing. Ele defende a estrutura de um funil de vendas, um processo onde fique claro o caminho do consumidor até a opção pela compra.

Em nossas orientações defendemos que, para que as estratégias de marketing sejam mais assertivas.

Além de todas as análises acima, você deve ainda:

  • Ter uma visão de futuro com relação ao seu negócio;
  • Envolver sua equipe na criação dos processos;
  • Conhecer bem questões comportamentais do seu consumidor;
  • Buscar continuamente as habilidades necessárias para conseguir interpretar as reações dos clientes internos e externos;
  • Acompanhar as ações executadas, avaliar e traçar novas metas para evoluir sempre; e,
  • Ter autocontrole, organização e parar de ficar apagando fogo.

 

A outra etapa é a comunicação para o mercado consumidor:

Fazer merchandising, propaganda e publicidade com o tradicional outdoor, placas comerciais, material promocional impresso, anúncio em jornais, revistas, rádio e TV, ficaram no passado, funciona para alguns, mas talvez não são eficientes pra você.

Partir para negócios online, utilizar os canais do comércio eletrônico, redes sociais, fazer marketing digital, usar e-mail marketing, funil e páginas de vendas, pode ser para seu negócio, além do custo x beneficio ser bem melhor.

Conseguiu descobrir que estratégia  está precisando?

O mercado é muito dinâmico, sempre aparecem novos tipos de estratégias de marketing, principalmente com a evolução da tecnologia que facilitou muito o acesso às informações. Consequentemente, o consumidor sabe muito mais rápido sobre o mercado e suas ofertas. Portanto, ficar de olho e se manter atualizado é fundamental.

 

Você está utilizando que recursos para atingir objetivos relacionados às estratégias de marketing?

Para ajudar no reconhecimento dos recursos, selecionamos 9 estratégias de marketing mais utilizados atualmente e, como você pode iniciar campanhas adotando alguma estratégia:

  1. Marketing de Relacionamento:

    Tem como desafio fixar a marca na mente dos consumidores e chegar a uma comunicação efetiva com ele, prezando pela excelência no atendimento com a criação de laços. A felicidade do consumidor é o que mais importa no planejamento das ações.

  2. Marketing Indireto:

    Com certeza você já viu alguma marca conhecida aparecer em algum filme, jogo de futebol, programa de TV, novela, estampada em algum material ou em programações culturais. São ações “discretas”, que tem um alto poder de manter a imagem do produto no seu subconsciente e, é mais eficiente uma vez que você não tem como rejeitar.

  3. Marketing de Resposta:

    As ações desse tipo de marketing são para aperfeiçoar seu negócio e leva-lo à um outro patamar de crescimento. Serve para obter um feedback dos consumidores sobre sua empresa, atendimento, produtos/serviços. Pode servir também para solucionar problemas e recuperar sua imagem perante o público, que costuma ser muito receptivo e participativo para dizer o que pode ser mudado.

  4. Endomarketing:

    A premissa desse tipo de marketing é que, colaboradores satisfeitos e felizes promovem seu negócio e atraem consumidores, por isso foca em estratégias na comunicação interna, para educar, melhorar as condições de trabalho, valorizar e motivar sua equipe.

  5. Marketing de Fidelização:

    O objetivo das ações é criar um mecanismo que garanta o retorno do cliente, oferecendo vantagens àqueles que escolherem seu negócio em vez de outro. Já são bem conhecidos os programas de fidelidade, que oferecem serviços exclusivos a quem se cadastra e utiliza seus serviços ou de parceiros. É imprescindível um trabalho de “branding” – uma técnica que reforça a presença da marca na mente dos consumidores.

  6. Marketing Digital:

    Vem sendo adotado por  qualquer tipo de empresa. Com o mundo mais conectado, via smartphones principalmente, a adaptação é quase obrigatória. Permite que o consumidor acesse conteúdo e ofertas que sua empresa disponibiliza e que mais interessam a ele. As ações desse tipo costumam atrair a nova geração, antenada nas novas mídias. Garante também um controle maior do público, com as ferramentas disponibilizadas pelos canais eletrônicos.

  7. Marketing de Conteúdo: 

    É mais atual, nasceu com a era dos negócios digitais, resolve problemas oferecendo materiais informativos que ajudem a solucionar dores e desejos do público alvo. Gera também autoridade para quem cria o conteúdo, reforça a marca da empresa, cria uma proximidade com seu público e provoca um relacionamento mais frequente com os consumidores. Utiliza o funil de vendas, que filtra e conduz os interessados em um processo de amadurecimento até que estejam aptos para a compra do produto/serviço. Como geralmente o processo é automatizado, o investimento financeiro e de tempo é muito menor.

  8. Marketing Viral:

    Surgiu com as novas mídias, com o poder que tem de atingir um grande público, de forma rápida. As ações são criadas para gerar mensagens positivas sobre seu negócio. Pode ser elaborada por sua empresa ou por pessoas influentes nas redes sociais que, ao joga-las nas redes de forma divertida ou curiosa, contaminam e podem conseguir uma multidão de fãs ou consumidores reais.

  9. Marketing de Experiência:

    Tem como objetivo tornar seu produto/serviço o “queridinho” da vez, ser mais que relevante, ser surpreendente. Proporcionar interação e conhecimento. Chamado também de marketing sensorial, é capaz de gerar diferentes oportunidades de negócios. Utiliza os sentidos para levar informação sobre seu produto/serviço, para atrair as pessoas pelas sensações que gera, para aumentar as vendas e, para criar um forte vínculo emocional com os consumidores.

Finalmente, neste ARTIGO mostramos como utilizar o marketing de experiência.

Esperamos que esse artigo te ajude a tomar melhores decisões e estabelecer uma boa estratégia de marketing.

Esse artigo foi útil para você? Deixe seu comentário abaixo.

Siga nossas dicas no FACEBOOK INSTAGRAM.